Velocidade da conexão: Como melhorar a experiência do usuário?

Velocidade da conexão: Como melhorar a experiência do usuário?

Velocidade da conexão: Como melhorar a experiência do usuário?

Uma forma inteligente de seu provedor formata um plano com velocidade nominal

Um dos desafios atuais dos provedores de Internet está na demanda por banda. Os planos precisam ser cada vez maiores para atender uma necessidade crescente dos usuários, por outro lado, os preços desses planos são cada vez menores, o que torna difícil o provedor fechar essa conta. O que o provedor deve fazer para alcançar a expectativa do cliente se mantendo no mercado competitivo?

Uma forma inteligente unindo o comercial ao técnico e utilizada por muitos provedores é o sistema de rajada (burst). O provedor formata um plano com velocidade nominal maior e depois de um pequeno período de rajada de dados nessa velocidade, diminui a velocidade para a configurada nos parâmetros do plano.

Essa estratégia de mercado é inteligente, contudo, uma mudança crescente do perfil dos usuários tem exigido dos provedores cada vez mais qualidade no acesso. Hoje, além dos usuários consumirem mais, migrando o entretenimento para dentro de suas casas, como jogos online e filmes em HD, é cada vez mais comum usuários que realizam constantemente testes com velocímetros, pings e até traceroutes.  É por esse motivo que os provedores precisam se adaptar, criando cada vez mais condições de melhorar a experiência do usuário, inclusive nesses testes.

A melhor forma de se fazer isso é entregar o máximo de conteúdo possível na velocidade nominal do plano sem aumentar custos. O conteúdo local do provedor por exemplo, emails dos clientes, sites hospedados no próprio provedor, porque não entregar todo esse conteúdo local na velocidade nominal do plano? Isso além de não aumentar os custos, melhora consideravelmente a experiência do usuário.

Para apresentar esse conceito, as configurações descritas foram realizadas no MikroTik. Além de muito prático para aplicar e visualizar as configurações é um sistema muito comum entre os provedores.

Exemplo:

 

Lembrando que esse e apenas um exemplo , para aplica-lo em seu provedor consulte um especialista , por que ira depende de suas taxas de entrega ,existe um calculo que tem que ser feito para essa distribuição ,alem que a má configuração poderá gerar transtorno!

Sucesso!

 

 

fonte:https://www.ispblog.com.br/2016/09/28/velocidade-da-conexao-como-melhorar-a-experiencia-do-usuario/
Deixe seu like!
admin